Novo grupo para vacinação infantil é liberado em Caruaru

PUBLICIDADE

As crianças que possuem comorbidades a partir dos 5 anos e as que têm 11 anos completos já estão com o agendamento liberado para a vacinação contra a Covid-19, que deve acontecer a partir de hoje (19).

Inicialmente, foram liberadas as crianças com doença neurológica crônica, autismo, síndrome de down, deficientes e imunossuprimidas. Agora, outras comorbidades, como diabetes, obesidade e doença falciforme, também estarão liberadas. (Confira lista de comorbidades abaixo).

Além das crianças com algum tipo de comorbidades, as de 11 anos, sem comorbidades, também poderão se vacinar. Quem já fez o cadastro deve consultar o agendamento no site Vacina Caruaru (no mesmo local onde fez o pré-cadastro). Os pais que ainda não fizeram, precisa fazê-lo.

Para se imunizar, é preciso comparecer ao local de vacinação, que fica na Via Parque, ao lado do INSS, com CPF ou Cartão do SUS, caderneta de vacinação e laudo médico para as crianças com comorbidades.

O horário de vacinação na tenda infantil é das 8h às 16h, de segunda a sexta-feira, e das 8h às 18h, nos sábados, domingos e feriados.

Comorbidades

Asma em uso de corticóide inalatório ou sistêmico (moderada ou grave); DPOC;

bronquioectasia; fibrose cística; doenças intersticiais do pulmão; displasia broncopulmonar; hipertensão arterial pulmonar; crianças com doença pulmonar crônica da prematuridade; doença cardíaca crônica; doença cardíaca congênita; hipertensão arterial sistêmica com comorbidade; doença cardíaca isquêmica;

insuficiência cardíaca; doença renal crônica; doença renal nos estágios 3, 4 e 5; síndrome nefrótica; paciente em diálise; atresia biliar; hepatites crônicas; cirrose e doença neurológica crônica (condições em que a função respiratória pode estar comprometida pela doença neurológica).

Considerar as necessidades clínicas individuais dos pacientes, incluindo AVC, indivíduos com paralisia cerebral, esclerose múltipla, e condições similares; doenças hereditárias e degenerativas do sistema nervoso ou muscular; deficiência neurológica grave; diabetes; diabetes mellitus tipo I e tipo II em uso de medicamentos; imunossupressão; imunodeficiência congênita ou adquirida; imunossupressão por doenças ou medicamentos; obesos (obesidade grau III); transplantados de órgãos sólidos e medula óssea; autismo, deficientes, portadores de trissomias (síndrome de down; síndrome de klinefelter, síndrome de wakany, dentre outras).

Foto: Edmilson Tanaka

PUBLICIDADE